Embrapa - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

09/19/2020 | Press release | Distributed by Public on 09/18/2020 23:14

Embrapa Solos apresenta o Fertmovel na Agrolab Amazônia

A Feira do Agronegócio 'Conecta Sebrae Agrolab Amazônia' é totalmente digital, em plataforma com ambiente 3D. A abertura oficial do evento aconteceu no dia 17/9, com a presença do Vice-Presidente da República general Hamilton Mourão, do presidente da Embrapa Celso Moretti e demais autoridades e representantes de instituições parceiras. A programação seguirá nos dias 22, 23 e 24/9, sempre das 10h às 18h, horário de Brasília. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui, onde também consta a programação completa e mais detalhes desta ação. O evento é uma realização do Sebrae em Rondônia, em conjunto com diversas entidades parceiras.

A Embrapa estará presente no evento também com participação em sete painéis e no estande virtual da Empresa, que reunirá mais de 70 soluções tecnológicas voltadas para a região Amazônica, de 20 Unidades espalhadas por todo o país, todo este conteúdo pode ser acessado no endereço www.embrapa.br/agrolab-amazonia. A Embrapa Solos (Rio de Janeiro-RJ) terá à disposição do público, no estande virtual, o Fertmovel, um laboratório completo, voltado a análises de fertilidade do solo, que opera dentro de um furgão de 14 metros cúbicos, equipado para emitir laudos técnicos de correção de solos como recomendações de adubação e calagem.

O Agrolab Amazônia tem foco no desenvolvimento e sustentabilidade da Amazônia, busca uma integração regional e também conectar a Amazônia ao Brasil e ao mundo, sendo conduzido por autoridades, especialistas e demais atores renomados em assuntos que envolvem a região.

Em um ambiente totalmente virtual, o evento reunirá setor produtivo, instituições, poder público e empresas para a discussão de temas de relevância para o agro na Amazônia, por meio de fóruns, painéis, palestras, oficinas, rodadas de negócio e muitas atrações que estarão presentes nos estandes virtuais. Os participantes, ao se inscreverem, terão um avatar e poderão navegar pelos ambientes virtuais criados. O evento será bilíngue e com tradução em libras. Estão programadas cerca de 25 palestras e painéis simultâneos por dia, além de fóruns de governança realizados pelo Parlamento Amazônico, reunião de Governadores da Amazônia Legal e demais entidades representativas.

Fertmovel

A ideia de construir um laboratório de análise de solos dentro de um furgão nasceu em 2011, após um levantamento com produtores rurais, dentro do programa Mais Alimentos do governo federal. A ideia foi inspirada pelo Vertmovel, um furgão utilizado pela Parmalat para testar a qualidade do leite de fornecedores na própria propriedade. 'Como identificamos a carência de laboratórios e éramos cobrados para retornar nossas análises de solos, tivemos a ideia de montar esse veículo para atender aos principais polos produtores da Região Serrana' do Rio de Janeiro, conta o pesquisador da Embrapa Solos, José Ronaldo Macedo.
O Fertmovel foi apresentado ao público pela primeira vez durante a 2ª Feira da Agricultura Familiar e Agrotecnologia no Município de Cocais (MA) em novembro de 2015. Ao se conhecer o nível de fertilidade dos solos, é possível se fazer uma correta recomendação de calagem e de adubação, incrementando a produtividade da agricultura familiar.
Um outro importante papel que o Fertmovel desempenha é no trabalho educativo de agricultores que não têm consciência da importância da análise de solos como um fator de otimização dos custos de produção em suas propriedades, quanto à calagem e adubação química. O engenheiro agrônomo Lauro Rangel, do Laboratório de Solos da Fundação Norte Fluminense de Desenvolvimento Regional (Fundenor), em Campos (RJ), confirma que ainda há muito a se avançar nesse sentido. 'Boa parte dos agricultores só estão interessados em verificar o estado de sua terra por exigência do banco, para liberar financiamento do Pronaf' - garante ele. 'Muitos também não seguem as recomendações da análise, que indicam a correta quantidade de calcário e tudo o que o solo necessita para ser corrigido', lamenta. A Fundação analisa solos para produtores do Rio de Janeiro e Espírito Santo.
Segundo o engenheiro-agrônomo, muitos agricultores preferem repetir antigas práticas de seus antepassados, mesmo que isso resulte em desperdício de insumos. 'Se indicamos que o solo só precisa receber uma tonelada de calcário, o produtor coloca o triplo porque o vizinho faz ou seus avós faziam', aponta ele. 'Outras vezes a terra não precisa de fósforo, mas mesmo assim e eles aplicam. São pequenos agricultores que poderiam baratear sua produção, mas acabam gastando muito mais por reproduzir práticas erradas', conclui Rangel.
Para cada R$ 23 investido em análise de solos na Fundenor, há economia de mais de mil reais em insumos - desde que a recomendação técnica seja seguida. Por mês, a Fundação analisa, em média, 400 amostras de solo.

Saiba mais

Para conhecer mais sobre o Fertmovel, assista à matéria do Globo Rural clicando aqui. E navegue na página da tecnologia no Portal Embrapa.